Reparar Cicatriz

A correção cicatricial é uma cirurgia plástica realizada para melhorar a aparência de cicatrizes. Ela pode ser realizada em diversas partes do corpo.

Existem também alguns tipos diferentes de cicatrizes e é a partir da identificação que são prescritas as técnicas adequadas para cada uma delas, que são:

– Contraturas: aquelas que comprometem o movimento de alguma parte do corpo devido a junção de tecidos.

– Queloides: tendem a ser um tipo de cicatriz doloroso e grandes, além de poderem enrugar. Pode ocorrer em qualquer parte do corpo e, geralmente, se estendem para fora de uma cicatriz inicial. Os locais mais comuns são: pescoço, orelhas, peito, ombros e face, regiões que possuem pouca quantidade de gordura.

– Hipertróficas: tecidos espessos que se aglomeram acima de uma cicatriz inicial, podem ser vermelhas, volumosas e desconfortáveis, além de ficarem maiores com o passar o tempo. Apresentam coloração um pouco mais pigmentada que a pele, tanto mais escura, quanto mais clara.

– Comuns: irregularidades, descolorações e cicatrizes mais superficiais causadas geralmente por acne, ferimentos leves e cirurgias anteriores.

Os tratamentos variam de acordo com o tipo de cicatriz que o paciente possui e podem incluir tratamentos tópicos a partir do uso de géis ou compressões.

Tratamento injetáveis também são utilizados para cicatrizes menos complicadas, como injeções a base de colágeno que melhoram a estrutura da pele.

Procedimentos de dermoabrasão, laser, peeling químicos, entre outros, também são utilizados em tratamentos para redução de cicatrizes.

Reparação de cicatriz de implante capilar

Cicatrizes provenientes de transplante capilar feito a partir da técnica FUT (Folicular Unit Transplantation), onde se é retirada uma faixa de aproximadamente 30 centímetros do couro cabeludo podem ser restauradas com a utilização de um novo transplante capilar na região afetada chamado FUE (Folicular Unit Extraction).

No método FUE são retiradas unidades de folículos a serem transplantados nas áreas carentes de fios de cabelo. E pode ser utilizada também para cobrir a cicatriz de transplantes FUT, fazendo com que novos cabelos cresçam sobre a marca, escondendo-a permanentemente.

O procedimento para a realização do FUE é mais minucioso, devido a implantação fio a fio dos folículos capilares. Por este motivo pode ter um valor um pouco mais elevado se comparado ao método FUT.

Está interessado em repara cicatrizes em São Paulo? Agende uma visita à clínica do Dr. Yoshimura e conheça todos os procedimentos oferecidos na área.

ENTRE EM CONTATO
E TIRE SUAS DÚVIDAS.

 

 (11) 3796-5797

 (11) 98961-3413